Viver distorções do ensino Bíblico é a experiência de alguns. São pessoas que de alguma forma torcem a verdade da Palavra de Deus. A graça é um exemplo claro disso. Já vi alguns casos onde irmãos ao conhecer a graça caíram na libertinagem.

Eles entenderam que a graça autorizava eles a fazerem o que quisessem, e isso incluía o pecado. Isso é um grande erro! Mas já vi também pessoas que ao ouvir sobre a certeza da salvação afastavam da comunhão da Igreja e passavam a viver dissolutamente, como o filho pródigo. Isso também é um grande erro!

Agora, tenho observado um outro comportamento errado. Alguns dizem que não precisam fazer nada, pois a graça já realizou tudo para eles.

Eles agora se voltam apenas para suas vidas e entram em um estado de passividade com a obra de Deus. Isso é um enorme erro! Conhecer a graça é conhecer a Deus, o Todo-gracioso. É uma experiência de valorização por tanto amor liberado a nós, que somos até constrangidos por esse amor.

Constrangido a quê? A graça me constrange com a loucura do amor de Deus, e até onde Ele pode ir em sua atitude de me amar, ao ponto de dar o seu único Filho para me salvar. Toda essa explosão de amor dentro de mim, se torna a força e a ação da minha vida em prol do Reino de Deus.

A graça é um poderoso combustível para a minha vida. Esse combustível me faz avançar na realização da obra de Deus. A vontade de Deus se torna meu prazer!

Daniel disse: …mas o povo que conhece ao seu Deus se tornará forte e ativo (Dn 11:32b).

Veja, conhecer a Deus é conhecer sua maravilhosa graça, isso desfaz a passividade. E nos faz forte e ativo. Então, não use a graça para justificar suas vontades e decisões que te afastam da obra de Deus. A graça te faz frutífero, produtivo, te fortalece e ativa.

Quem entende a graça sempre se pergunta:

  • Como posso fazer mais e melhor na edificação da Igreja?
  • Como posso cooperar de forma mais eficiente para o Reino de Deus?

Não há desanimo, tristeza, preguiça, indisposição, etc., apenas um desejo de ir além. Veja, os apóstolos apanharam por pregar o Evangelho e ficaram felizes. Por qual razão ficaram felizes?

Por que conheceram a graça de Deus e se alegraram por terem sido considerados dignos de sofrer afrontas por causa de Jesus (At 5:40-41).

Os açoites não tiveram poder porque a graça os fez forte e ativos. O que levou Barnabé a assumir a responsabilidade de cuidar de Saulo logo após sua conversão? Lembrando que ele era perseguidor terrível da Igreja.

Claro que foi sua experiência com a graça de Deus. Barnabé não tinha medo de associar com Saulo, ele sabia o que o poder do Evangelho podia fazer na vida de um homem.

O que levou Paulo a fazer uma obra extremamente grande? Ele declara que foi a graça com ele. Ele conhecia e experimentava a graça de Deus de forma a impulsioná-lo cada vez mais a frente.

Veja, a graça na vida desses homens de Deus os levou a avançar. A graça os salvou e se tornou o combustível para uma vida forte e ativa na obra de Deus. Essa deve ser a sua experiência também. Se não tem sido, está incompleta!

A graça nos despoja de todo egoísmo e passividade para com a obra de Deus. Quem conhece a Deus é forte e ativo! A primeira menção de graça na Bíblia foi com Noé, vejamos:

Porém Noé achou graça diante do SENHOR (Gn 6:8).

Ao achar graça diante de Deus qual foi a primeira coisa que Deus fez? Anunciou o juízo pelo Dilúvio e o convocou para construir a Arca. Lembre-se, a graça não torna o crente passivo, antes o faz forte e ativo.

Vejamos isso na vida de Noé.

1. A graça envolve uma missão

Fazes uma arca de tábuas de cipreste; nela farás compartimentos e a calafetarás com betume por dentro e por fora. Deste modo a farás: de trezentos côvados será o comprimento; de cinquenta, a largura; e a altura, de trinta.

Farás ao seu redor uma abertura de um côvado de altura; a porta da arca colocarás lateralmente; farás pavimentos na arca: um em baixo, um segundo e um terceiro (Gn 6:14-16).

Deus deu a planta da Arca para Noé construir – 150mt cumprimento, por 25mt de largura, 15mt altura e com três pavimentos. Essa construção era a missão da vida de Noé. Deus sempre coloca aqueles que acharam graça no Seu projeto pessoal.

Deus tem um projeto! Jesus falou desse projeto, Paulo, Pedro e João! Veja, a Arca que Noé construiu é um tipo da edificação da Igreja.

Sendo assim, você e eu, que também achamos graça, estamos envolvidos no projeto de Deus chamado IGREJA (Mt 16:18; 1Co 3:10).

Sabe porque você está envolvido? Porque só os filhos podem realiza-lo. Nesse ponto muitos erram achando que a vida deles é mais importante do que o projeto de Deus! A graça providenciou tudo para que você pudesse fazer tudo para a edificação da Igreja e avanço do Reino de Deus.

Dizer que entendeu a graça, mas não deseja envolver na vida da Igreja é incoerente, egocêntrico e torna a graça vã! O Pai está envolvido nesse projeto, o Filho também está envolvido nesse projeto e claro o Espírito Santo igualmente está envolvido!

Você também está envolvido nesse projeto! A graça é o combustível certo para perseverarmos na edificação. Então, não use a graça para não assumir responsabilidades, isso é um enorme erro! Você é o desejo pessoal de Deus, pois é o filho que Ele amou. Todavia, todos nós, a Igreja, somos o projeto de Deus.

2. A graça me torna forte e ativo

A construção da Arca demorou aproximadamente 100 anos! Noé em nenhum momento sentiu desânimo, seu único desejo era realizar a obra a ele confiada. Porque? A palavra graça usada aqui no hebraico é chen que significa favor e aceitação.

Noé foi constrangido pelo amor e aceitação de Deus e sentiu privilegiado em poder realizar o projeto de Deus aqui na Terra. Noé não se preocupou com as dificuldades e nem com o aparente despropósito da Arca, pois nunca havia chovido sobre a Terra.

O que para todos os demais habitantes parecia uma loucura, para Noé era uma honra. A graça o tornou forte e ativo. Já ouvi pessoas dizerem que a Igreja está atrapalhando seu casamento e família. Isso é uma mentira.

Noé e sua família trabalharam juntos e fortaleceram seus laços afetivos juntos. Culpam a Igreja de muitas coisas que não é verdade. A Igreja é a maneira de Deus abençoar o mundo trazendo seu Reino para a Terra.

Enquanto trabalhamos juntos em prol do Reino de Deus edificando a Igreja, somos fortalecidos e supridos em tudo. Deus jamais daria uma missão que nos consumisse. Isso porque o Filho Jesus já se consumiu por inteiro na cruz para que eu e você pudesse realizar a obra no descanso.

Descanso é uma experiência interior, isso não significa que não passaremos por adversidade. Lutas teremos! Dificuldades passaremos! Resistência sofreremos! Pressões vivenciaremos! Mas Deus em sua graciosa habilidade de transformar o mal e bem, fará com que estas coisas cooperem para o nosso bem.

Quem entende a graça é perseverante como Noé, ele não para e não deixa ser parado por nada e ninguém. Isso pela razão simples que a graça o tornou forte e ativo. Você é conhecido como alguém que achou graça diante de Deus, e por isso é forte e ativo.

Não deixe que as vozes do inferno te impeçam de cumprir a missão que lhe foi designada. Seu chamado é de prosseguir e avançar. Não deixe que nada te impeça de completar a sua carreira. Em Hebreus 12 diz:

Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas, desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus.

Considerai, pois, atentamente, aquele que suportou tamanha oposição dos pecadores contra si mesmo, para que não vos fatigueis, desmaiando em vossa alma (Hb 12:1-3).

Desembarace, corra com perseverança a carreira que está proposta para a sua vida, não deixe por nada de olhar para Jesus, pois assim você não irá se fadigar (cansar). Veja, a razão do seu cansaço e desânimo não é a Igreja, é porque você deixou de olhar para Jesus.

Quando isso acontece tudo fica pesado ao ponto de você desmaiar na alma. Hoje Ele deseja renovar a sua força e serviço. Você é importante para Ele e para a obra Dele. Então, volte a olhar para Ele. Quanto mais você olha, mais graça é ministrada a você, mais forte e ativo você se torna.

Não esqueça, a mesma graça que te salvou, quando você apenas olhou para Jesus, precisa ser o seu combustível para prosseguir, e o preço é o mesmo, basta olhar!

Categorias: Mensagem